16 de out de 2009

O sentido do olhar


É só na forma e no jeito de olhar a vida que vamos ser felizes ou infelizes. 

É interessante que muitas vezes o mesmo fato causa alegria em uma pessoa e tristeza em outra. Você me perguntaria naturalmente por que e eu diria que a forma que olhamos é que mostra pessoas mais maduras e mais infantilizadas. 

A pessoa madura releva muitas coisas, o que lhe poupa sofrimento, respeita os outros com naturalidade, nunca julga, a pessoa madura é leve. Já a pessoa infantilizada é ciumenta, julgadora e, portanto, infeliz. Aonde vai, é uma pessoa desagradável e geralmente não é bem quista. 

Portanto, é o olhar que faz a diferença. Leia o trecho a seguir para compreender melhor essa situação: 

“Em uma pequena cidade havia um velho homem conhecido pela sua grande sabedoria e experiência. Um estrangeiro que viera se hospedar definitivamente nesta cidade sem conhecer ninguém perguntou para este homem: Senhor, como são as pessoas desta cidade? O velho homem com sua grande experiência pensou e disse: Jovem me diga antes como são as pessoas da sua antiga cidade, então eu digo como são a daqui. 

O estrangeiro respondeu: Nunca mais quero voltar para a minha antiga cidade, lá só possui pessoas interesseiras, egoístas e muito, muito incompetentes! Então, o velho sábio lhe respondeu: Aqui é igual a sua cidade, você não encontrará pessoas diferentes! Passaram-se alguns dias e outro estrangeiro veio morar naquela cidade e perguntou para o velho homem o grande sábio. Senhor, como são as pessoas desta cidade? O velho homem com sua grande experiência pensou e disse: Jovem me diga antes como são as pessoas da sua antiga cidade, então eu digo como são as pessoas daqui. 

O estrangeiro respondeu: Tenho saudades das pessoas da minha antiga cidade, são pessoas muito boas! Tenho grandes amigos e fiz grandes amizades. E tenho uma enorme vontade de voltar lá e rever meu velhos e bons amigos! Então, o velho sábio lhe respondeu: Aqui é igual a sua cidade, você não encontrará pessoas diferentes!” 
Antônio Roberto

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...